Siga o Blog:

6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901 6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901 6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901 6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Argentina - Ushuaia, Canal de Beagle


Em nossa estada em Ushuaia não deixamos de fazer o passeio pelo Canal de Beagle.
A navegação pelo Canal de Beagle oferece a oportunidade de apreciar paisagens de uma beleza única, e de visitar diversas ilhas e pontos, desfrutando de uma viagem inesquecível.




Estas geladas águas levam o nome do barco de Robert Fitz Roy, quem a explorou pela primeira vez em 1830. O Beagle bordeia o extremo sul da Terra do Fogo e marca um dos limites entre a Argentina e o Chile.


Várias agências organizam passeios de catamarã pelas águas geladas do Canal de Beagle (nós fizemos pela CANOERO - http://www.catamaranescanoero.com.ar/). Os passeios saem do Píer Turístico de Ushuaia, e as excursões são realizadas durante todo ano.


O Canal de Beagle é dividido em duas partes, o lado argentino ao norte e o lado chileno ao sul, ambos os lados bordeados por montanhas. Durante o trajeto é possível desfrutar de uma paisagem belíssima, além de ter um contato único com a natureza.

O Canal banha a Argentina e o Chile.


Conforme o barco vai avançando pelo Canal de Beagle é possível ver ao fundo a cidade de Ushuaia.
O roteiro passa por ilhas do arquipélago Bridges como a Isla de los Pájaros (local habitado por aves como cormorão, pato e albatroz), e a Isla de los Lobos (onde podem ser vistos leões marinhos).


O porto de Ushuaia visto do barco.



A primeira parada é na chamada ilha dos Pássaros (Isla de los Pájaros), onde é possível observar os chamados Cormoranes, pássaros bem parecidos com pinguins, mas que diferente destes, voam.



Cormoranes, pássaros bem parecidos com pinguins






Após vamos em direção a ilha dos Lobos (Isla de los Lobos), onde é possível observar animais como Gaivotas, Cormoranes e o Lobo Marinho. 

Casal de Lobos Marinhos


O barulho e o cheiro destes animais é marcante.



Após, fomos ao farol do Fim do Mundo, um dos cartões postais da Terra do Fogo, também está incluído no passeio e marca para os navegadores a entrada da Baía de Ushuaia. Na verdade o nome dele é Farol Les Eclaireurs e foi simbolicamente dado como Farol do Fim do Mundo por ser bem icônico e estar completamente isolado em uma ilha. O verdadeiro Farol do Fim do Mundo fica bem mais ao sul, bem na saída para o oceano Atlântico. O barco passa bem pertinho do farol, mas não é permitido descer na ilha.

Farol Les Eclaireurs...

... também conhecido (erroneamente) como Farol do Fim do Mundo


A última parte do passeio consiste em um passeio pela ilha Bridges onde viviam os povos Yámanas. Lá podemos ver de perto como viviam os aborígenes Yámanas, há uma exposição onde temos marcas de ossos e resquícios dos acampamentos que eles armavam por ali. Muito interessante e o guia do passeio conta muito mais sobre eles. Como se não bastasse, na ilha temos uma linda vista.







Após isso, retornamos a Ushuaia, pois ainda havia muito o que apreciar desta linda cidade.


A Argentina considera as Malvinas como sendo seu território, ilegalmente ocupado pelo Reino Unido.



Espero que tenham gostado do passeio. Até breve.

LINKS: